O seu carrinho

O seu carrinho está vazio.

Continuar com a compra

O seguinte documento descreve os termos de uso do site Make ID. Antes de usar qualquer um dos serviços Make ID, você deve ler, entender e concordar com esses termos.

1. Disposições gerais
(1) Ambos, consumidores finais e clientes empresariais, são considerados clientes pelos termos e condições presentes.

(2) Estes termos e condições serão aplicados para toda a relação comercial entre o cliente e www.make.id. Eles se aplicam aos empresários para todas as futuras relações comerciais, mesmo que não esteja expressamente de acordo novamente; A versão no momento do contrato é aplicável e válida.

2. Produtos
(1) Os produtos oferecidos são "cartões" gráficos e impressos que de fato são uma amostra, ou uma novidade que não pode ser usada em circulação pública. Eles não têm status oficial e não são documentos oficiais. Eles também não transferem quaisquer direitos ou privilégios para o titular. Os próprios cartões não são vistos como algum tipo de prova.

(2) Os cartões não são oficiais, nem são entendidos como cópias / falsificações, ou feitos para qualquer uso ou experiência de processos como no caso de um cartão oficial existente, original.

(3) O abuso deste cartão é ilegal, não importa se, como resultado de uma representação inexata, fraude, abuso em público ou outro. Se você decidir fazer algo além do propósito de aquisição original desses cartões de novidade, você deve ter conhecimento de que você pode ferir Legislação.

3. Deveres de Clientes
(1) MAKE.ID não é de modo algum responsável pelas perdas (diretas, indiretas, incidentais, especiais, típicas, conseqüentes) ou danos causados ​​pelo uso desses cartões. Em caso de dúvida, o cliente indeniza por todos os danos próprios e passivos de terceiros.

(2) A propriedade desses cartões de novidade pode ser proibida ou ilegal em algumas regiões. É responsabilidade do cliente verificar se a posse desses cartões é permitida na área desejada antes de comprar um cartão conosco. Com a compra de nossos cartões de novidades, o cliente confirma que a posse deste cartão é permitida no estado, cidade ou país correspondente.

(3) A divulgação de informações falsas e fraudulentas pode ser ilegal. Principalmente, o que aqui se entende é o uso de cartões MAKE.ID como prova de idade ou detecção de status (mesmo com informações falsas) para qualquer propósito ilegal.

4. Conclusão do Contrato
(1) Os produtos e serviços listados nesta loja virtual não constituem ofertas vinculativas; é um convite ao cliente para enviar uma oferta vinculativa para MAKE.ID, fazendo um pedido.

(2) Ao enviar os dados do pedido no final do processo de pedidos, o cliente está colocando uma ordem vinculativa para os itens dentro do carrinho de compras virtual. MAKE.ID confirmará o recebimento do pedido imediatamente. Esta confirmação de recebimento não constitui a aceitação do pedido; No entanto, ele pode estar conectado com a declaração de aceitação.

(3) A MAKE.ID tem o direito de aceitar a oferta do contrato (o pedido) do cliente no prazo de sete dias úteis após a recepção. A aceitação pode ser declarada por comunicação explícita ou entrega dos bens.

(4) MAKE.ID tem o direito de limitar a ordem a um valor doméstico. Além disso, as possíveis alterações, como o conteúdo, a forma ou a cor - na medida razoável para o cliente - são reservadas.

(5) O contrato final está sujeito a uma entrega não parcial ou parcial, no caso de entrega incorreta ou imprópria por fornecedores - isto é, MAKE.ID não assume nenhum risco. A responsabilidade pela intenção e negligência de acordo com o § 9 destes Termos e Condições não será afetada. Em caso de indisponibilidade ou apenas disponibilidade parcial dos serviços MAKE.ID informará imediatamente o cliente; em caso de retirada pelo cliente, um pagamento já realizado será reembolsado imediatamente, se o serviço ainda não tiver sido iniciado.

5. Retirada
(1) Geralmente, os consumidores têm direito a ter um direito de retirada para itens comprados. No caso em apreço, no entanto, de acordo com o § 312 d para. 4 BGB (Código Civil Alemão) o direito de uma retirada não se aplica, pois sujeito ao contrato é sobre a entrega de bens que são produzidos de acordo com as especificações dos clientes e estão claramente adaptados às necessidades pessoais.

6. Preços e envio
(1) Todos os preços listados na loja online são preços totais. Eles já incluem todos os componentes de preços, em especial o imposto sobre vendas.

(2) Salvo acordo em contrário, os preços não incluem embalagem, frete, frete ou seguro. Portanto, para o envio dos produtos encomendados, pode haver custos adicionais de envio; Os clientes serão explicitamente notificados do valor.

7. Política de Envio
(1) A menos que uma exceção tenha sido expressamente acordada, os bens só serão entregues após um pagamento antecipado - ou seja, a entrega só ocorrerá após o pagamento ter sido feito.

(2) As entregas parciais são permitidas se razoável para o cliente.

(3) Para as empresas, pode haver risco de perda acidental ou deterioração acidental das mercadorias vendidas através da transferência para si próprio ou para uma pessoa autorizada a recebê-la, na compra por correspondência o risco pode ser com a entrega de os bens para uma pessoa de transporte apropriada. Para os consumidores, o risco de perda acidental e deterioração acidental da venda é sempre com a entrega dos bens ao consumidor, não importa se o cliente está em falta de aceitação.

8. Método de Pagamento
(1) No caso de pagamento por transferência bancária ou pagamento em dinheiro, é necessário enviar o nome completo e o número da finalidade / pedido à conta bancária notificada.

(2) O cliente só terá direito a compensar se seus pedidos reconvencionais tenham sido legalmente estabelecidos ou aceitos pelo MAKE.ID. O cliente só pode realizar seus direitos de retenção se o pedido reconvencional for baseado no mesmo contrato.

9. Retenção de título
(1) Para os consumidores, MAKE.ID retém a propriedade das mercadorias vendidas (bens condicionais) até o pagamento total do preço de compra ter sido feito. Para as empresas, MAKE.ID insiste no pagamento integral de todas as reivindicações do relacionamento comercial em andamento.

(2) O cliente é obrigado a lidar cuidadosamente com os bens durante a retenção do título.

(3) Durante a retenção do título, o cliente é obrigado a permitir a terceiros o acesso dos bens ao vendedor - por exemplo em caso de apreensão - e informar o vendedor sobre qualquer dano ou destruição dos bens e fornecer todas as informações e os documentos necessários para proteger os direitos do proprietário. Oficiais de execução ou terceiros devem ser informados sobre a propriedade estrangeira. O cliente deve informar sobre uma mudança na propriedade dos bens, bem como uma mudança de residência.

(4) Em caso de incumprimento do contrato pelo cliente - em particular o incumprimento do pagamento ou em caso de violação de um imposto nos termos do parágrafo (2) e (3) desta disposição - A MAKE.ID tem o direito de cancelar o contrato e reclamar o bens.

10. Garantia e Garantia
(1) A mera apresentação de cada produto no site deve ser vista como uma descrição de serviço puro e de forma alguma como garantia para a qualidade dos produtos. As declarações de garantia de terceiros, tais como garantias dos fabricantes, permanecem inalteradas.

(2) Em conformidade com as disposições legais, o cliente só pode reivindicar o cumprimento subsequente se os bens entregues estiverem com defeito. O cliente tem a opção de se o cumprimento subseqüente deve ser realizado por reparo ou substituição. No entanto, a MAKE.ID continua a ter o direito de recusar o tipo de cumprimento, se ele vier com custos desproporcionais, enquanto o outro tipo de remédio é sem desvantagens significativas para o cliente.

(3) O cliente não tem permissão para eliminar diretamente uma deficiência atual ou para que ela seja removida por terceiros (auto-performance); possíveis despesas incorridas não serão reembolsadas.

(4) Se o desempenho subsequente falhar, o cliente pode, a seu critério de acordo com as disposições legais, reduzir a remuneração (redução), cancelar o contrato (retirada), compensar a demanda ou obter as despesas incorridas reembolsadas. Se o cliente exigir uma compensação reivindica despesas inúteis, as restrições de responsabilidade da seção 9 destes Termos e Condições serão aplicadas.

(5) O prazo de prescrição para os direitos do cliente devido a defeitos dos bens adquiridos equivale a dois anos a partir da entrega dos bens para os consumidores e para os negócios até um ano a partir da data de entrega. A facilitação de limitação relacionada a esses prazos não se aplica, a menos que MAKE.ID seja responsável na seção 9 destes Termos ou se refere ao direito real de um terceiro, devido ao qual a entrega do item de entrega pode ser necessária.

11. Responsabilidade
(1) Devido aos requisitos legais, a MAKE.ID é totalmente responsável pelos danos resultantes de ferimentos na vida, membro ou saúde com base em uma violação intencional ou negligente do dever por ele, seus representantes legais ou seus assistentes e outros danos, com base em uma intencional ou negligência grosseira de dever e intenção fraudulenta por ela, seus representantes legais ou agentes. Além disso, MAKE.ID é totalmente responsável por danos que são cobertos pelo passivo de acordo com disposições legais vinculativas, como a Lei alemã sobre responsabilidade por produtos.

(2) A MAKE.ID é responsável por danos causados ​​por negligência simples, na medida em que a negligência diz respeito à violação de obrigações contratuais, quando o cumprimento do objetivo do contrato é de particular importância (obrigações cardeais); enquanto a responsabilidade é limitada ao dano médio previsível, típico e direto.

(3) Em caso de violação ligeiramente negligente de obrigações contratuais menores, MAKE.ID não será responsável perante empresas; Para os consumidores, a responsabilidade nesses casos é limitada ao dano médio previsível, típico e direto.

(4) Qualquer outra responsabilidade - independentemente da natureza jurídica do pedido alegado - está excluída.

12. Disposições finais
(1) Aplica-se a lei da República Federal da Alemanha. Para os consumidores que não concluem o contrato para fins profissionais ou comerciais, esta escolha de lei é válida apenas na medida em que a proteção concedida não seja retirada por disposições obrigatórias da lei do país em que o consumidor tenha sua residência habitual.

(2) Não são aplicáveis ​​as disposições da Convenção das Nações Unidas sobre Contratos de Venda Internacional de Mercadorias (CISG).

(3) Se qualquer disposição do contrato com o cliente, incluindo estes termos e condições, seja total ou parcialmente inválida ou se os acordos contiverem uma lacuna, isso não afetará a validade das demais disposições. Nesses casos, as partes comprometem-se a substituir a provisão total ou parcialmente ineficaz por uma provisão efetiva, cujo sucesso econômico se aproxima mais da provisão ineficaz.

(4) O local de jurisdição para todas as disputas resultantes deste contrato é Hamburgo.



Estes Termos de Serviço são efetivos a partir de agosto 01, 2016.